top of page

Roubo de gados em fazendas do Brasil acende alerta sobre segurança e prevenção


segurança perimetral para fazendas
Segurança Perimetral para Fazendas com tecnologia israelense

Na madrugada do dia 26 de janeiro, três homens invadiram uma fazenda em Cuiabá (MT), renderam o funcionário que estava no local e o mantiveram refém enquanto carregavam uma carreta com aproximadamente 50 cabeças de gado e cavalos.


O mesmo aconteceu na cidade de Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul, no fim do ano passado. Cerca de 70 cabeças de gado de uma fazenda e outras 89 de uma segunda propriedade foram subtraídas. Após investigações da polícia, o receptor dos animais roubados foi preso, mas apenas 32 animais furtados foram recuperados. Os gados foram avaliados em R$ 150 mil.


Casos como esse estão acontecendo frequentemente em propriedades rurais do país, especialmente na região Centro-Oeste do Brasil, em que a pecuária é uma das atividades econômicas de maior destaque e onde concentra a maior parte do rebanho bovino nacional.


Para prevenir esse tipo de ação criminosa, os empresários do agronegócio precisam investir em tecnologias de segurança capazes de monitorar ativamente suas propriedades, detectando antecipadamente qualquer tentativa de invasão. Entretanto, o alto custo em câmeras, sensores e infraestrutura para cobrir toda a extensa área das fazendas, que chega a milhares de quilômetros, se tornou um desafio de investimento para os fazendeiros e agricultores.





“Ao longo dos anos escutamos o mercado rural e percebemos que uma das principais barreiras para implantação de um sistema de segurança eram os custos com equipamentos. Em um projeto convencional, são implantados câmeras e infraestrutura de cabos e fios a cada 50-100 metros de distância, o que exige um elevado investimento inicial e gastos com manutenção recorrente, o que acaba inviabilizando a implantação do projeto. Para resolver essa dor, trouxemos de Israel um avançado Radar de Segurança da empresa Magos, com capacidade de realizar uma cobertura contínua de áreas amplas, chegando a monitorar até 600 mil m² com apenas um equipamento. Tamanha eficiência e precisão, tornou o radar Magos a solução com o melhor custo-benefício por m² do mercado de segurança, uma vez que o número de equipamentos necessários para um projeto é reduzido drasticamente e o custo com instalação, infraestrutura e principalmente manutenção é mínimo”, explicou o engenheiro Kleber Reis, diretor comercial e de operações da Ôguen.

Os Radares de Segurança Magos foram desenvolvidos para a segurança perimetral de grandes áreas, como fazendas, silos, usinas e armazéns. A solução é capaz de detectar e classificar alvos como humanos, bicicletas, veículos, barcos e drones, com até 1.000 metros de antecedência. Na detecção de animais, a inteligência artificial dos radares Magos descarta esses eventos automaticamente, evitando notificações por alarmes não desejados.


“Ao detectar qualquer anormalidade, como um veículo não autorizado indo em direção a propriedade, o radar alerta em tempo real o responsável, que pode iniciar rapidamente o seu procedimento de contenção dessa invasão, como disparo de holofotes, sirenes, avisos em alto-falantes para espantar os meliantes e acionamento da polícia”, falou Hen Harel, CEO da Ôguen. “Geralmente os criminosos, quando sabem que foram detectados, desistem de continuar a ação e fogem. Esse é o principal objetivo do sistema de segurança com radares, detectar esses suspeitos antes mesmo deles conseguirem chegar na propriedade e evitar que eles continuem com a invasão, preservando todo o patrimônio, ativos e funcionários da empresa”, completou Hen Harel.


fazenda de gado no Brasil invadida por criminosos

A Ôguen conta com uma linha completa de soluções avançadas para a proteção da segurança perimetral de áreas amplas. Para saber mais sobre como funcionam os Radares de Segurança e outros produtos da empresa, acesse: www.oguen.com ou entre em contato pelo número (11) 9 93389-8133.


Para ler a versão em inglês: CLIQUE AQUI



Comments


bottom of page